Onefootball
Robert Born

Volpi leva frango e São Paulo perde para Athletico-PR no Morumbi


Não foi desta vez que o São Paulo conseguiu retomar seu lugar no G-4. Jogando no Morumbi, o time jogou mal no segundo tempo e viu Volpi tomar um frango para dar vitória para o Athletico-PR aos 44 minutos do segundo tempo.

Cirino foi o herói rubro-negro neste domingo com um chute despretensioso, porém forte, no apagar das luzes. Com a vitória, o Athletico-PR chega a 50 pontos e sobe para a 6ª posição. O São Paulo estaciona na 5ª posição com 52 pontos.

O clube paulista volta a jogar no sábado (16) no clássico fora de casa contra o Santos. O Athletico-PR recebe o Botafogo na Arena da Baixada no domingo (17).

Primeiro tempo

O São Paulo dominou mais o primeiro tempo, apesar de que ambas equipes criaram chances claras de gol nos primeiros 45 minutos.

Logo no início Santos, novo goleiro da Seleção, precisou trabalhar depois de um chute de Reinaldo que desviou em Robson Bambu. A resposta do Furacão só veio aos 19 minutos com Nikão. Ele cobrou falta com força, mas a bola foi para fora.

Pablo perdeu a melhor chance de gol aos 21 minutos. Ele recebeu uma bola na cara do gol, mas o goleiro Santos se agigantou e manteve o jogo empatado.

O São Paulo chegou novamente perto do gol com um chute de Antony e de Tchê Tchê.

O Furacão só assustou novamente com cruzamento de Cirino que chegava nos pés de Bruno Nazário, mas Tiago Volpi deu um tapa e evitou o que poderia ter sido a melhor chance de gol no primeiro tempo.

Segundo tempo

Antony foi o nome do São Paulo no início do segundo tempo. Com jogadas individuais, ele obrigou Santos a fazer duas importantes defesas. Vitor Bueno e Tchê Tchê também contribuíram com jogadas no ataque, mas que não resultaram em gol.

Aos 71 minutos Gabriel Sara aproveitou um rebote de Santos e chutou a bola dividindo com a zaga do Athletico. A bola passou muito perto da trave.

Cansados, os jogadores do São Paulo não conseguiram manter o ritmo de jogo e as chances diminuíram nos últimos 20 minutos de partida. O Athletico-PR conseguiu conter os contra-ataques do time paulista e a maioria das chances criadas, com bolas levantadas na área por Dani Alves, terminavam ou nas luvas de Santos ou com o afastamento da zaga athleticana.

Quando o Athletico-PR já dava chute para frente esperando o jogo terminar, eis que surge o atacante Marcelo Cirino para fazer um gol aos 44 minutos do segundo tempo. E na sorte, porque foi um frango de Volpi. Cirino arriscou um chute forte no canto, a bola pingou na frente de Volpi e entrou.

Os três minutos de acréscimo não foram o suficiente para o São Paulo lutar pelo empate.


Foto: Athletico-PR/Twitter