Onefootball
Robert Born

Torcida tenta invadir CT do Cruzeiro e fala-se em tiros de borracha


Já são três dias de protestos que os torcedores do Cruzeiro fazem contra o momento ruim do clube. Nesta terça-feria (10), torcidas organizadas tentaram invadir a Toca da Raposa II, exibiram faixas de protesto e a TV Máfia Azul, veículo de comunicação da principal organizada da Raposa, afirma que seu presidente foi detido e encaminhado para a delegacia, além de ser recebida com balas de borracha.

No início do dia, cerca de 50 membros de torcidas organizadas estiveram no CT do Cruzeiro cobrando melhorias na situação do clube.

Segundo o Twitter oficial da Tv Máfia Azul, a “polícia usou balas de borracha para dispersar” a torcida que estava presente.

O presidente da organizada, Diego Castro (o Diskim), também foi detido pela polícia, segundo a torcida organizada.

Coletiva emergencial

O diretor do Cruzeiro, Marcelo Dijan, convocou uma entrevista coletiva emergencial para responder e esclarecer alguns fatos sobre os protestos.

A questão da permanência de Rogério Ceni no comando da equipe foi levantada, mas o diretor negou que o técnico deixará o clube. “Rogério vai ficar […] Era perfeccionista como jogador e continua como treinador”.


Foto: Pedro Vilela/Getty Images