Onefootball
Nathalia Araújo

Pinto da Costa revela motivo para estar chocado com E-Toupeira


Ao chegar ao Palácio da Bolsa, onde marcou presença na apresentação do livro de homenagem a D. António Francisco dos Santos, o presidente do FC Porto falou sobre a decisão tomada esta quarta-feira pelo Tribunal da Relação em não pronunciar a SAD do Benfica no chamado processo E-Toupeira.

“Entristeceu-me ouvir dizer que o juiz atribuiu à Polícia Judiciária a culpa de não ter feito bem o seu trabalho. Se isso aconteceu, acho muito lamentável, porque se há entidade que merece todo o respeito é a Polícia Judiciária. Fico chocado se tentaram atirar a responsabilidade da decisão para cima da Polícia Judiciária”, declarou Pinto da Costa segundo avança A Bola.

O Tribunal da Relação não deu provimento ao recurso do Ministério Público que pediu a pronúncia da Benfica SAD no caso E-Toupeira.

Mantém-se, assim, a decisão a juíza Ana Peres que, em dezembro último, decidiu na fase de instrução do processo não levar a SAD do clube da Luz a julgamento.


Foto: AFP Contributor/AFP