Onefootball
Vitor Geron

Mudança radical prevê ampliação da Liga dos Campeões


A Liga dos Campeões pode passar por profundas mudanças após a pressão dos clubes para que a competição seja expandida.

A Uefa vem recebendo insistentes pedidos dos principais clubes da Europa que querem vagas permanentes na competição.

FBL-EUR-C1-DRAW-1560349264.jpg

Segundo o jornal Times, a proposta encaminhada à Uefa pede o aumento no número de equipes de 32 para 40 ou 48.

Este plano seria uma alternativa às sugestões do presidente da Juventus e da European Club Association (ECA), Andrea Agnelli.

O italiano liderou os planos para garantir a participação dos principais clubes da Europa. Na proposta dele, 24 equipes teriam vaga permanente na Liga dos Campeões, independentemente do desempenho nas competições domésticas. Restariam apenas oito vagas em disputa por meio de um sistema de promoção e rebaixamento.

Um formato com 40 ou 48 equipes favoreceria não apenas os clubes mais ricos da Europa, mas também gigantes tradicionais, como o Ajax e o Celtic, que atualmente não se classificam para a fase de grupos da Liga dos Campeões ao vencerem as ligas nacionais.

A proposta mais recente provavelmente será discutida em uma cúpula da Uefa em 11 de setembro. Possíveis alterações entrariam em vigor a partir de 2024.