Onefootball
Robert Born

As surpresas 😄, e decepções 😩, de 2018


Nem tudo foram flores este ano.

Foi ano de Copa do Mundo, e o Brasil não conseguiu o hexa de novo. Mas esta não foi a única decepção este ano.

E também não foi um ano apenas de decepções.

Listamos aqui as decepções e surpresas positivas que aconteceram ao longo de 2018.


Surpresas

Operário campeão Série C

Meu Deus do céu. Que final foi essa? Operário consegue vencer a Série C contra um Cuiabá que estava martelando até o último minuto.

Com a atuação de Sidão no Fantasma, o Operário conseguiu o inédito título e subir para a Série B.

Brasil de Pelotas na final do Gaúchão

O “pequeno” Brasil de Pelotas se agigantou este ano e chegou até a final do Campeonato Gaúcho.

Mesmo perdendo contra o fortíssimo elenco do Grêmio, o clube entrou pra história dos nossos corações.

Rússia na Copa do Mundo

Fale a verdade. Você também achava que a Rússia iria cair na fase de grupos na Copa do Mundo. Mas Rússia e Uruguai passaram do badalado Egito e da Arábia Saudita.

E depois, nas oitavas-de-final, você achou que a Rússia iria perder para a Espanha. Mas venceu nos pênaltis.

Somente nas quartas-de-final que a Rússia deixou a Copa do Mundo, e nas penalidades, contra a Croácia. Inesperadíssimo!

Croácia na final da Copa do Mundo

Falando em Copa do Mundo, foi lindo e emocionante ver a Croácia alcançar, pela primeira vez na história, a final do torneio mais cobiçado do mundo.


Decepções do ano

Alemanha na Copa do Mundo

Pior do que o Brasil não conseguir o hexa, pelo menos nós perdemos para uma seleção forte e competitiva (sim, que levou dois gols do Japão, mas enfim).

O feitiço de 2014 virou-se contra o feiticeiro. Depois de tirarem sarro do brasileiro por sair com o 7 x 1, agora a Alemanha não conseguiu nem passar pra fase mata-mata.

Lembre-se que a poderosa Alemanha ficou em último lugar num grupo atrás da Coreia do Sul, México e Suécia.

Botafogo eliminado pelo Aparecidense na Copa do Brasil

Dia sete de fevereiro. Copa do Brasil. Ainda estágio considerado “fácil” por muitos clubes da Série A.

Eis que surge o Aparecidense. Botafogo abriu o jogo com um gol de Pimpão logo aos sete minutos. Parecia que seria como o script mandou. Mas Nonato empatou aos 48′, Pimpão foi expulso aos 82′ e, três minutos depois, o Aparecidense virou o jogo e eliminou o Botafogo.

Vergonha carioca.

Corinthians no Brasileirão

Podia ser pior. Mas deveria ter sido muito melhor. Afinal, Corinthians venceu o Palmeiras na controversa final do Paulistão – verdão que foi considerado o melhor elenco de 2018.

Mas no Brasileirão, caindo pelas tabelas – literalmente – o Timão quase caiu para a Segundona.

Terminou o ano com 44 pontos, apenas dois a mais que o primeiro time na degola.

Karius na final da Champions League

Achamos triste comentar sobre apenas um jogador, mas não tem como.

Este ano, Karius foi sinônimo de falhas grotescas.

Pra piorar, o goleiro do Liverpool fez estas besteiras na final da Champions League. Foi considerado por muitos o responsável pela perda do título da Champions para o Real Madrid.

Paraná

Nós sabemos que era tarefa difícil. Nós até demos o chute de que este ano o Paraná cairia depois de finalmente subir pra elite do futebol brasileiro.

Mas ainda assim Paranito, ter caído com cinco rodadas de antecedência foi um desastre.

Tomara que próximo ano você se reerga e dê mais alegrias que tristezas aos torcedores.

Pistola barrado

Não querendo culpar, mas já culpando, o Brasil não venceu a Copa do Mundo porque o nosso Canarinho Pistola foi barrado de participar dos jogos da Seleção.