Onefootball
Marcos Monteiro

Argentina tenta furar retranca venezuelana; Colômbia quer seguir 100%


Dois confrontos dão continuidade às quartas de final da Copa América nesta sexta-feira (28). No Maracanã, às 16h, a Argentina tenta passar pela Venezuela. Quatro horas mais tarde, na Arena Corinthians, a 100% Colômbia quer manter o restrospecto e mandar os chilenos para a casa.

Contra a Venezuela, os argentinos apostam em Messi. O camisa 10 é o maior carrasco da seleção Vinho Tinto e participou diretamente de dez gols desde 2007, com seis assistências e quarto tentos.

A Venezuela, por outro lado, também tem seu fator surpresa: Wuilker Fariñez. O goleiro venezuelano é o grande destaque da equipe de Dudamel até o momento. O guarda-redes de 21 anos nunca foi vazado por Messi.


Na outra partida, a Colômbia, única equipe com 100% de aproveitamento na competição, encara o Chile. Apesar disso, Carlos Queiroz, treinador dos Cafeteros, colocou os adversários, atuais bicampeões da Copa América, como favoritos para o confronto.

“Ganhar ou crescer são as opções que temos para a Colômbia. O campeão é o Chile. Chegamos aqui para ganhar, aprender ou crescer com eles. Nós não temos nada a perder, eles têm o título que podem perder”, afirmou.